BlogConheça as novidades

08 de outubro 2015

A Geradora investe em sustentabilidade

A Geradora investe em sustentabilidade e implanta programa de reciclagem, captação de chuva e logística reversa nas unidades

A Geradora investe em Sustentabilidade

A responsabilidade ambiental nas empresas tem se tornado um dos pontos fundamentais para o desenvolvimento sustentável. Por isso, a empresa A Geradora, líder brasileira no segmento de locação de equipamentos (geradores de energia, torres de iluminação e compressores de ar), está investindo em ações sustentáveis em várias áreas. Neste ano, foi implantado o programa “Produção mais limpa”, subdivido em três projetos: programa “Jogue Limpo”, reciclagem de filtro de ar e captação de água da chuva.
O programa “Jogue Limpo” é um sistema de logística reversa de embalagens plásticas pós-consumo, usadas e contaminadas, por empresas registradas e qualificadas ambientalmente. O projeto, que já existe em alguns Estados do Brasil, foi implantado nas unidades Salvador (BA), Belo Horizonte (MG), Macaé (RJ), Rio de Janeiro (RJ) e Recife (PE). Até o fim de outubro, a meta é de que ele também esteja funcionando nas filiais de Guarulhos (SP), Aracaju (SE), Natal (RN) e Fortaleza (CE).
Até Setembro, foram enviadas para a reciclagem cerca de 900 embalagens de óleo em todas as filiais participantes do projeto. Em relação ao rerrefino do lubrificante usado, 42.450 litros foram coletados e enviados para as empresas responsáveis neste ano.
Outra ação implantada na A Geradora foi a reciclagem de filtros de ar, que são compostos por vários materiais recicláveis, como uma grade de ferro, papelão, borracha e plástico. Foram encaminhados para as cooperativas de reciclagem cerca de 720kg de materiais neste ano. Já estão participando do projeto as unidades em São Luís (MA), Belo Horizonte (MG), Recife (PE) e Manaus (AM).
Antes mesmo do agravamento da crise hídrica, a empresa realiza a captação de água da chuva em algumas unidades: Brasília (DF), Guarulhos (SP), Belo Horizonte (MG) e Parauapebas (PA). A água é destinada para a lavagem dos equipamentos, reduzindo o consumo e o custo com o recurso natural. Em Guarulhos, o consumo foi reduzido em 10 mil litros por mês; em Belo Horizonte, o consumo caiu em 40 mil litros por mês; nas outras regiões, como a chuva ainda não foi tão abundante, não houve mensuração.
O objetivo das ações, segundo Ivo Rogério, coordenador da área de Qualidade, Saúde, Meio Ambiente e Segurança (QSMS) da A Geradora, é realizar o descarte correto dos resíduos e contribuir para a preservação do meio ambiente. “Além da responsabilidade social e ambiental, reduzimos os custos da empresa com a incineração e o descarte. Com a redução dos níveis dos reservatórios de água, a empresa também está empenhada em realizar ações que possam contribuir para a redução no consumo do recurso, como o reaproveitamento da água da chuva”, afirma.