Comprar ou alugar um gerador de energia?

7 de novembro de 2017

Entre comprar ou alugar um gerador de energia, qual é a melhor opção?

Comprar ou alugar um gerador de energia?

Porque alugar um gerador de energia

Entre comprar ou alugar um gerador de energia, a locação é uma atividade muito mais comum em diversos setores, desde indústria, comércio e serviços, construção civil, eventos, entre outros. O motivo das locações serem tão frequentes é o melhor custo-benefício,  se comparada ao valor de aquisição de um equipamento do porte de um gerador. A locação de um gerador é muito mais simples e barata, além da administração ser muito mais ágil. Ainda mais quando falamos em um novo negócio, em que os profissionais não tem know-how no assunto, ou a empresa não tem orçamento disponível para investir em uma aquisição dispendiosa como esta.

Portanto, o primeiro benefício da locação de geradores é o baixo investimento.  Ao alugar um gerador de energia em vez de comprá-lo, você estará poupando um investimento que poderá ser direcionado ao core do seu negócio. Geradores potentes são equipamentos muito caros, uma única máquina pode chegar a custar até 1 milhão de Reais. Além do gerador em si, é necessário também adquirir cabos e outros acessórios como quadros, transformadores, contêineres, tanques de combustível extra, bandejas de contenção, entre outros. Com uma máquina própria deste valor, outras despesas ainda surgem, como por exemplo o investimento em um bom seguro, para se proteger em caso de roubo ou acidentes.

Além dos custos com a máquina, o uso de um gerador próprio demanda uma série de custos fixos com manutenções corretivas e preventivas, que exigem mão de obra qualificada própria, como a de um responsável técnico, ou um contrato permanente com uma empresa especializada. Outra vantagem em alugar um equipamento é que o cliente geralmente dispõe de suporte técnico e atendimentos emergenciais de qualquer natureza, 24 horas por dia e 7 dias por semana, inclusos no valor da locação. A empresa responsável pela locação de geradores de energia irá se responsabilizar pela troca de peças e, caso seja necessário, até mesmo substituir o equipamento imediatamente, evitando que o cliente necessite mexer em seu orçamento para realizar tais reparos ou espere cerca de três meses para adquirir uma máquina nova.

Outra coisa que se deve pensar na hora de adquirir ou alugar um gerador é o espaço que o equipamento vai ocupar para armazená-lo. Um gerador de 500kVA, por exemplo, não é um equipamento pequeno. Ele ocupa um espaço similar a uma caminhonete grande, e necessita de um local fechado com boa circulação de ar. Quando o equipamento é próprio, é necessário reservar um local especialmente para acondicioná-lo.

Mas não pára por aí. A maior vantagem em alugar um gerador de energia é de poder usufruir de equipamentos de primeira linha, com alta tecnologia, nas versões mais modernas do mercado e em perfeitas condições de uso. É possível escolher a máquina com a potência ideal para a sua demanda no momento da utilização, para não correr o risco de utilizar os equipamentos subdimensionados ou com carga excessiva.

Porque comprar um gerador de energia

A compra de um gerador de energia só é indicada em situações bastante específicas. Se a sua empresa necessita frequentemente de energia temporária, sempre com o mesmo consumo, e você já possui um profissional em seu quadro de funcionários para fazer a manutenção desses equipamentos, certamente seja vantajoso ter uma máquina própria. Porém, todos os outros aspectos abordados acima devem ser levados em conta, como a disponibilidade de caixa para o investimento inicial, o espaço de armazenagem do gerador, custos com manutenções, seguros, depreciação da máquina e o tempo perdido em caso de falha do equipamento.

 

Tem interesse em alugar um equipamento?

Entre em contato com nosso time de vendas ou a equipe técnica para saber mais. Somos especialistas na locação de equipamentos para eventos e obras em geral.

Há mais de 28 anos A Geradora atua na locação de equipamentos com foco nos segmentos de Infraestrutura, Construção Civil, Indústria, Eventos, Óleo&Gás, Mineração, Usinas Termelétricas e Comércio&Serviços.